Membros / Amigos

Conheça mais de nossas Postagens

Research - Digite uma palavra ou assunto e Pesquise aqui no Blog

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

JESUS - Yeshua


Yeshua é um termo de raiz hebraica que significa “salvar” ou "salvação". É considerado por alguns estudiosos como o nome original de Jesus Cristo escrito em hebraico. Porém é um tema em discussão, visto que a língua falada na terra onde Jesus habitava era o aramaico.
Alguns religiosos consideram que usar o nome original "Yeshua" para se referir a Jesus seria o correto. No entanto, os estudos sobre a etimologia do termo e sua evolução desde o hebraico mostram como ocorreram as alterações do nome próprio.
Na verdade, Yeshua é uma forma abreviada de Yehoshua, nome hebraico que foi traduzido para o Português como Josué. "Yeoshua" significa "o Eterno salva". Em determinada história bíblica, a figura de Josué surge como o sucessor de Moisés na missão de conduzir o povo de Israel para a terra de Canaã.

O nome que se refere a Jesus, o Salvador, aparece escrito na Bíblia ora como Yeshua, ora como Yehoshua. Nas traduções do Antigo Testamento da Bíblia para o Grego, foi então feita a transliteração dos nomes “Yeshua” e “Yehoshua” para o nome único “Iesous”, que foi transliterado para o Latim como "Iesus" e para o Português como "Jesus".
A expressão Yeshua Hamashia é uma expressão em aramaico 
que significa Jesus Cristo, o Messias.

Yeshua Hamashia significa Jesus Cristo, o Messias, e é um termo em aramaico. Aramaico era a língua falada por Jesus, e deu origem a diversos idiomas falados até hoje. Os judeus, principalmente em Israel, ainda utilizam bastante a palavra, e é possível encontrá-la no Novo Testamento, porém com uma ortografia diferente: Yeshu ha Notzri.

Yeshua Hamashia também pode ser escrita em hebraico, que é a língua sagrada dos judeus, a grafia é exatamente igual, e é muito parecida com o aramaico. Yeshua Hamashia também pode ser escrito como Yeshua Meshiach.

A afirmação de que Yeshua é realmente o nome original de Jesus tem sido muito debatida, pois era muito utilizada nas civilizações antigas, incluindo os gregos. Existem provas de que Jesus vivia em Israel, e falava aramaico (conf. Novo Testamento).



Curiosidades:
  1. O hebraico foi revivido, no início do século XX, pelos esforços do sionismo, tornando-se posteriormente oficial em Israel.
  2. Atualmente, em pequenas comunidades no Oriente médio, o aramaico é o mais falado. Podemos tomar por exemplo o filme do diretor Mel Gibson, onde o aramaico foi predominante.
  3. Grego, Hebraico e Aramaico foram os idiomas utilizados para escrever os originais das Escrituras Sagradas.
    O Antigo Testamento foi escrito em hebraico. Apenas alguns poucos textos foram escritos em aramaico.
    O Novo Testamento foi escrito originalmente em grego, que era a língua mais utilizada na época.
  4. Estudiosos apontam que os trechos bíblicos do Antigo Testamento que foram escritos em aramaico são: Esdras 4. 8-6, 18; Esdras 7. 12-26; Daniel 2. 4-7, 28 e Jeremias 10. 11). Todo o restante do Antigo Testamento foi escrito originalmente em Hebraico.
  5. Estudiosos relatam que o “Novo Testamento” foi escrito no “Koiné” ou "Coiné", grego popular (com numerosos hebraísmos e arameísmos).
  6. O aramaico foi um dos ramos mais importantes das línguas semitas. A escrita aramaica foi amplamente adotada por outras linguas, sendo assim, ancestral do alfabeto árabe e hebraico moderno.
  7. Segundo relato bíblico (ver Numeros 13.16) Moisés chamou (mudou) o nome de Hoshea (oseias) que significava salvação para Yehoshua (Josué) que significava Deus salva.
  8. Existem várias músicas da autoria de vários artistas e bandas que são dedicadas a Jesus e contêm a palavra Yeshua.

Marcos 1.1 - "Princípio do Evangelho de Jesus Cristo, Filho de Deus;"  = português 

תְּחִלַּת בְּשׂוֹרַת יֵשׁוּעַ הַמָּשִׁיחַ בֶּן-הָאֱלֹהִים: = hebraico

ܐܝܟ ܕܟܬܝܒ ܒܐܫܥܝܐ ܢܒܝܐ ܕܗܐ ܡܫܕܪ ܐܢܐ ܡܠܐܟܝ ܩܕܡ  = aramaico

"Αρχη του ευαγγελιου του Ιησου Χριστου, Υιου του Θεου."  = grego

"بدء انجيل يسوع المسيح ابن الله " = árabe


Fonte: 

Sugestão de leitura:
Aqui eu Aprendi!

2 comentários:

  1. Obrigada por compartilhar!
    Louvado seja ישוע/ יֵשׁוּעַ
    Jesus Cristo, o nosso amado Salvador!

    ResponderExcluir
  2. Quando iniciei minha pesquisa diletante acerca da origem do cristianismo, eu já tinha uma ideia formada: nada de Bíblia, teologia e história das religiões. Todos os que haviam explorado esse caminho haviam chegado à conclusão alguma. Contidos num cercadinho intelectual, no máximo, sabiam que o que se pensava saber não era verdade. É isso o que a nossa cultura espera de nós, pois não gosta de indiscrições. Como o mundo não havia parado para que o Novo Testamento fosse escrito, o que esse mesmo mundo poderia me contar a respeito dessa curiosidade histórica? Afinal, o que acontecia nos quatro primeiros séculos no mundo greco-romano, entre gregos, romanos e judeus? Ao comentar o livro “Jesus existiu ou não?”, de Bart D. Ehrman, exponho algumas das conclusões a que cheguei e as quais o meio acadêmico, de forma protecionista, insiste ignorar.

    http://cafehistoria.ning.com/profiles/blogs/paguei-pra-ver

    ResponderExcluir

O comentário será postado assim que o autor der a aprovação.

Respeitando a liberdade de expressão e a valorização de quem expressa o seu pensamento, todas as participações no espaço reservado aos comentários deverão conter a identificação do autor do comentário.

Não serão liberados comentários, mesmo identificados, que contenham palavrões, calunias, digitações ofensivas e pejorativas, com falsidade ideológica e os que agridam a privacidade familiar.

Comentários anônimos:
Embora haja a aceitação de digitação do comentário anônimo, isso não significa que será publicado.
O administrador do blog prioriza os comentários identificados.
Os comentários anônimos passarão por criteriosa analise e, poderão ou não serem publicados.

Comentários suspeitos e/ou "spam" serão excluídos automaticamente.

Obrigado!
" Aqui eu Aprendi! "

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...